PM prende dupla de criminosos com arma e servidor público bêbado no interior do Acre

Policiais militares do 8° Batalhão realizaram, nesta quinta-feira (25), duas apreensões de armas de fogo e prenderam três pessoas acusadas de porte ilegal de arma de fogo, tentativa de homicídio e resistência a prisão no município de Sena Madureira, no interior do Acre.

O primeiro caso aconteceu ainda pela manhã, quando os militares receberam uma informação do Núcleo de Inteligência, que dizia que dois homens em uma motocicleta estavam se preparando para tentar matar membros de uma facção rival no Segundo Distrito da cidade.

De posse das informações, os militares montaram uma barreira policial no Km 03 da BR-364, sentido Sena Madureira a Rio Branco, quando avistaram os dois suspeitos em uma moto. Ao perceberem a guarnição na rodovia, os criminosos identificados como Rogério da Silva Mendonça, 32 anos, e Elizeu da Silva Souza, 29, tentaram empreender fuga.

Os militares ainda realizaram um acompanhamento e viram quando Rogério, que estava na garupa, jogou um objeto dentro das matas. Após a perseguição, a dupla foi capturada e os PMs voltarem ao local onde Rogério jogou o objeto, e encontraram um revólver calibre 32 com 3 munições intactas. A PM também confirmou que a arma seria usada em uma tentativa de homicídio.

A segunda ocorrência aconteceu durante a tarde, quando os militares foram acionados via Ciosp para atender uma denúncia anônima que no terreno de uma residência na rua Sebastião Henrique, no bairro Cidade Nova, onde havia um homem supostamente alcoolizado e atirando para o alto com uma pistola.

A guarnição foi até a residência denunciada e acabaram encontrando o servidor público Deusimar Alves de Albuquerque, de 43 anos, lotado no Instituto Sócio Educativo (ISE), com a arma em punho no fundo da casa. Ao ver a guarnição, o homem correu para dentro da residência e os PMs pediram reforço do Batalhão.

Visivelmente alterado, o servidor público ainda chegou a disparar contra a guarnição que estava no local, mas felizmente, por meio da intervenção da namorada e da mãe de Deusimar, o tiro não atingiu os policiais. Uma arma não letal foi usada e os militares conseguiram imobilizar o servidor público.

Deusimar foi levado para o Hospital João Câncio Fernandes para receber os primeiros atendimentos e em seguida recebeu voz de prisão. Ele foi levou para a Delegacia de Polícia Civil de Sena Madureira, junto com uma pistola com 12 munições intactas e uma deflagrada. A família do acusado levou o documento da arma de fogo e o documento do porte de arma.

O caso agora segue sendo investigado pela Polícia Civil do Acre e acompanhado pela corregedoria do ISE.




Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste portal. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Comentários

comentários



Arma de Fogo é na Pantanal Armas de Fogo



Suporte via whatsapp!





Lanterna Tática SFX

A Lanterna Tática SFX foi construída por especialistas em artefatos militares. Você só encontrará estas tecnologias na SFX e em nenhuma outra lanterna. As maiores autoridades em segurança utilizam a nossa tecnologia por ser Única, Incrível e Poderosa.

Lanterna Tatica

-
× Como posso te ajudar?